quarta-feira, 3 de julho de 2013

Sai Rafinha, entram as dúvidas.

Não sabemos a quanto tempo a negociação de Rafinha está em curso. Porém, uma coisa é fato: desde o ano passado a possibilidade de saída do meia era possível, haja vista que sua permanência ante a proposta do Palmeiras estava condicionada, senão por escrito mas moralmente, a uma eventual negociação futura que fosse vantajosa para todos.

Pois bem, esta proposta chegou, o acordado não é caro, e apesar do Verdão pagar seus salários em contraprestação dos serviços do jogador, sabemos que Rafinha quer fazer seu pé de meia. E há de se concordar que nenhum lugar é melhor para isso do que o futebol árabe. É justo inclusive isso, pois um jogador com quase 30 anos quer resolver sua vida financeira pensando no futuro.

Porém, agora o Verdão tem que resolver o problema de quem irá substituir Rafinha na equipe. Opções dentro do grupo até temos, mas nenhuma é plenamente satisfatória. Entre as opções mais razoáveis, a utilização de Zé Rafael ou Bottinelli são as melhores para a posição. Fora eles, improvisar atacante para a posição é perda de tempo.

A possibilidade de buscar no mercado também é uma situação que o próprio presidente VRA já colocou como provável. Agora, quanto tempo isto vai levar, espero que seja ainda para este brasileirão.

De resultado, só existem uma certeza e uma dúvida: a certeza é de que Rafinha se foi, e a dúvida de que não me parece sabermos o que fazer para resolver esta baixa.

Oremos nação....

SAV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget