segunda-feira, 21 de julho de 2014

Os números e a realidade.

Após mais um desastre no Brasileirão, o Coxa amarga a 19ª posição na classificação, com os mesmos 7 pontos (21,2% de aproveitamento) do lanterna Flamengo, sendo que nas últimas 5 partidas foram 4 derrotas. Essa campanha vai tornando o Verdão aos poucos um sério candidato ao rebaixamento.

No entanto, algo interessante são os números estatísticos das últimas duas partidas, que mostram o Coxa com maior posse de bola, maiores chances de gol, maiores números de escanteios e impedimentos, o que comprova até uma certa capacidade de criação da equipe. Mas sabe do que adianta esses números positivos se não são convertidos em gols? NADA.

O ataque do nosso time vem mostrando que é um arremedo por completo, pois não contribui em nada para melhorar o atual cenário. Some-se a isso a total incapacidade de se evitar a tomada pelo menos um gol por partida, sobretudo em escanteios e bolas aéreas, e voilá! Campanha digna para as piadas prontas dos adversários.

E não adianta ficar procurando pretextos e frases clichês para deixar o torcedor Coxa esperançoso de uma virada histórica, pois esse time desde o início de 2014 não vem mostrando forças para tal feito. 

E quer mais? A situação que já é no mínimo constrangedora para nós fica ainda pior quando vemos que nos últimos 10 campeonatos, das equipes que chegaram na 11ª rodada como lanternas, apenas em 3 oportunidades essas não foram rebaixadas, e somente em uma única oportunidade houve uma arrancada para uma campanha satisfatória. 

Em resumo, na toada em que nos encontramos, ou essa equipe começa a virar a página agora, ou muito sofrimento até o final, e isso sendo bastante otimista. 

E não pensem que isso é uma profecia do Apocalipse a qual deseja o pior para o nosso clube como punição para figura "a" ou "b", muito pelo contrário, gostaria de estar vendo essa equipe disputando posições na parte de cima da tabela. Mas infelizmente o Verdão novamente acostumou-se a viver flertando a zona de rebaixamento. E de tanto flertar, uma hora a casa cai.

Imaginar uma arrancada sensacional? Pouco provável. Mudança de atitude da diretoria? Menos ainda. Chance para os atletas da base? Nem cogito. São "N" situações que deveriam estar sendo tratadas há tempos pela diretoria do clube, justamente para que essas hipóteses sequer fossem aventadas. 

Triste para nós, torcedores, pois os irresponsáveis sumirão com o passar dos anos, e será nossa tarefa ficar para consertar os mal feitos deixados nas estruturas de nosso clube. 

SAV

Um comentário:

  1. Infelizmente não representam mais os interesses da torcida, apenas os seus interesses parabéns VRA!!!

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget