segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Visitante indigesto.

Do jogo de ontem do Verdão frente ao corinthians (sim, tudo em minúsculo mesmo) praticamente tudo o que foi escrito se referiu ao absurdo pênalti mal marcado a favor da equipe paulista, que acabou no final das contas decretando a vitória do adversário em um jogo que foi em muitos momentos dominada pelo Coxa.

Agora, existem dois pontos que não foram muito comentados, e que merecem ser ressaltados: 1) o domínio territorial do Verdão nos jogos fora de casa; 2) a absoluta falta de competência em do Coxa em converter este domínio em gols.

Faz muitos anos  que acompanho o Verdão e a não via uma equipe tão casca grossa quando o jogo é fora de casa. Observando todos os jogos realizados até agora, o Coxa não ofereceu facilidade a nenhum dos seus adversários, sendo eles do G4, do meio da tabela, ou da Z4. Em muitos dos jogos, como foi neste de ontem, o Coxa acabou dominando a partida em boa parte do tempo, fruto da forte marcação e da disciplina tática da equipe. E por mais que os "entendidos" de futebol torçam o nariz, sim, existe beleza nisto.

O que preocupa no entanto é que este domínio territorial que o Coxa obtém fora de casa não está sendo convertido em gols, o que é mais importante. Chances não estão faltando, haja vista que no segundo tempo de ontem tivemos no mínimo 3 chances de abrir o placar. E independente de ser a equipe titular ou reserva, o Verdão vem repetindo esta situação seguidamente.

O Coxa tem condições de incomodar muito ainda neste campeonato, mas esta falta de capacidade de finalização vem comprometendo as ótimas atuações que vem tendo fora de casa. Analisando friamente, se o problema fosse somente psicológico seria fácil de resolver. Porém, como para alguns jogadores do plantel Coxa o problema vai além disso, realmente temos que esperar que os titulares voltem logo, para que possamos enfim voltar a campanha do início do campeonato.

SAV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget