quarta-feira, 31 de julho de 2013

Quer com emoção? Só com o Verdão! Vitória e liderança.

O Verdão venceu nesta noite a Ponte Preta por 5 x 3 no Couto Pereira, em um jogo com 3 viradas, emoção até o final com chances das duas equipes vencerem, e uma certeza: o Coxa este ano não entrou para figurar, realmente quer brigar por coisa grande neste campeonato.

Obviamente que nem tudo foram flores. Os três gols sofridos, principalmente no início dos dois tempos, mostram que algo está errado na cozinha Coxa. Iberbia talvez ainda não esteja integrado o suficiente para assumir a responsabilidade.

E quem diria que as coberturas de Jr Urso fariam falta? Pois estão fazendo. Não que Willian tenha jogado mal, não é isto. Mas o fato é que Urso estava muito bem. Além do mais, Leandro Almeida neste jogo esteve estranhamente inseguro. Agora é muita conversa para tentar arrumar o que está errado.

Na frente, há quem já sinta saudade de Deivid. Bill novamente perdeu pelo menos duas chances claras de gol, mostrando que realmente está muito fora de forma. Além do mais, Keirrison estranhamente não é colocado para jogar, sendo este o meu ponto de discordância com o técnico. Ritmo de jogo se ganha jogando, e Keirrison é bem melhor tecnicamente que Bill.

Mas se os pontos anteriores são para estarmos atentos, três jogadores em especial hoje merecem todo o reconhecimento. Alex, Robinho, e principalmente Lincoln. Alex como sempre foi decisivo, com um belíssimo de falta quando o placar era 3 x 2 contra. Robinho com 2 gols e chegadas precisas na área lembrou muito Davi em 2011. Agora, Lincoln é um caso para se comentar em separado.

Sempre achei o custo-benefício do Lincoln caro demais. Um jogador do valor dele não estar nem relacionado na equipe principal achava um absurdo, pois é um dos salários mais altos do clube. E não só eu, como boa parte da torcida, esperávamos mais dele. Mas se engana quem pensa que este sentimento era relacionado somente a questão salarial do jogador. Estava atrelado também ao fato dele ser tecnicamente ótimo, mas desaparecido dentro do grupo. Ver Lincoln recuperando espaço na equipe é sensacional, tirando o peso somente das costas do Alex, e tornando a equipe menos previsível. Impecável hoje, dois gols e uma participação irrepreensível. 

A sequência que vem agora fora de casa, com Cruzeiro e Grêmio, é fundamental para estabelecermos onde queremos chegar. Se pensamos em título e libertadores, estes jogos não podem ser disputados para perder de pouco, temos que trazer pontos para casa. Duas vitórias com certeza são resultados muito acima do imaginado, mas se queremos chegar ao lugar mais alto, uma hora precisamos começar a ganhar fora. E quanto antes, melhor. 

SAV 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget